Wednesday, November 02, 2005

O CAVAQUISMO, NAQUILO QUE TEVE DE ESSENCIAL PARA O FUTURO DO PAÍS, FOI SOBRETUDO, A DÉCADA DA OPORTUNIDADE PERDIDA.
HISTORICAMENTE HOUVE POUCOS MOMENTOS COMO ESSE, EM QUE POR RAZÕES QUE NÃO DECORRIAM DA PERFOMANCE INTERNA DA SUA ECONOMI, DOS SUCESSOS DO SEU MODELO DE DESENVOLVIMENTO, O PAÍS SE VISSE BENEFICIADO POR EXTRAORDINÁRIOS RENDIMENTOS ESSENCIALMENTE GERADOS NO EXTERIOR E POSTOS Á SUA DISPOSIÇÃO.
TALVEZ SÓ TENHA ACONTECIDO COM TANTA EXCEPCIONAL GRANDEZA, COM OS RÉDITOS DA VINDA DAS ESPECIARIAS INDIANAS - NO SECXVI - , COM O OURO E OS DIAMANTES DO BRASIL - NO SEC. XVIII - E NA PRIMEIRA DÉCADA, TALVEZ UM POUCO MAIS, IMEDIATAMENTE A SEGUIR À ADESÃO DE PORTUGAL À ENTÃO CEE, EM CONSEQUENCIA DOS CHAMADOS FUNDOS ESTRUTURAIS, NO FINAL DO SEC. XX, A DESIGNADA DÉCADA «CAVAQUISTA».
O QUE SE PASSOU, FOI DE FORMA SEMELHANTE AOS DOIS MOMENTOS ANTERIORES - AS ESPECIARIAS DAS ÍNDIAS E O OURO E DIAMANTES DO BRASIL - , MAIS UMA VEZ, SE DESPERDIÇOU TÃO ELEVADA OPORTUNIDADE.
TODO ESSE IMENSO FLUXO DE CAPITAL - RECEBIDO NO TEMPO DE CAVACO (MAIS) SILVA, DO QUE CAVACO - QUE NOS CHEGOU ATRAVÉS DOS JÁ REFERIDOS FUNDOS ESTRUTURAIS, AINDA QUE NÃO FOSSE TOTALMENTE DESAPROVEITADO - REFIRO-ME, COMO EXCEPÇÃO, AO MUITO ALCATRÃO GASTO NESSA ALTURA - NÃO MUDOU ESTRUTURALMENTE O PAÍS EM DIRECÇÃO À MODERNIDADE. ISTO É, PERMITIU UM CERTO DESAFOGO TEMPORAL - DE PEQUENA DURAÇÃO - MAS NÃO MUDOU NADA DE ESSENCIAL NO QUE DE ESSENCIAL ERA DE MUDAR.
NA EDUCAÇÃO, NA QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL, NA FORMAÇÃO, NA INVESTIGAÇÃO CIENTIFICA, NA MELHORIA DURADOIRA E SUSTENTADA DO ESTADO SOCIAL.
PELO CONTRÁRIO, NOS DOMINIOS ENUMERADOS, FOI UM AUTENTICO FIASCO, QUANDO NÃO UMA REGRESSÃO. O CAVAQUISMO, TERÁ SIDO UMA DÉCADA DE OURO - OU MESMO DIAMANTE - PARA OS GRANDES INTERESSES DA CONSTRUÇÃO CIVIL E DO IMOBILIARIO , PROVAVELMENTE TAMBÉM O FOI, PARA A BANCA E A ESPECULAÇÃO, CONCERTEZA, PARA OS GRANDES GRUPOS FINANCEIROS, PARA OS QUE ENRIQUECERAM FRAUDULENTAMENTE COM OS FUNDOS ESTRUTURAIS, PARA A ELITE DO REGIME QUE PROMISQUA E INDEVIDAMENTE CIRCULAVA ENTRE OS NEGÓCIOS, AS SINECURAS E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. MAS PARA A MODERNIZAÇÃO ECONOMICA SOCIAL DO PAÍS FOI A TERCEIRA GRANDE OPORTUNIDADE PERDIDA . E CONVÉM LEMBRÁ-LO QUANDO A SOLITÁRIA MAIS VALIA COM QUE O CANDIDATO CAVACO (MAIS) SILVA DO QUE CAVACO SE APRESENTA É A ECONOMIA!!

20 Comments:

Blogger quinta said...

O VOSSO ARTIGO, NO FUNDAMENTAL, DIZ O QUE REALMENTE SE PASSOU, PASSA E SÓ NÃO SE PASSARÁ, POR CAVACO VAI SER DERROTADO E, PASSAR DE UM DUPLAMENTE DERROTADO, PARA UM TRIDERROTADO.

8:08 AM

 
Blogger quinta said...

o vosso artigo está espectacular

8:15 AM

 
Blogger Reis said...

O vosso blog, para além de estar muito bom, diz umas quantas verdades muito bem ditas.
Parabens

9:37 AM

 
Anonymous Nogueira said...

A evolução históriaca - isto, o erros ao longo da historia - de Portugal, foi sem dúvida a má utlização de todas as minas de ouro e ou diamante

9:40 AM

 
Blogger Reis said...

Dou-lhe toda a razão e acrescento que também não quero amadores na Presidência da República e vivam os Profissionais da Politica e os Politicos Profissionais

9:52 AM

 
Blogger Reis said...

Soares à Presidência, porque Soares continua a ser fixe

9:53 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Pelo que sei, nunca abandonou o governo, como alguns socialistas que ao longo da nossa história o têm feito, deixando sempre o país cada vez mais na miséria com as suas ideias sociais. O único que até agora tem sido exemplar tem sido o nosso 1º Ministro, mas se formos a ver o seu historial, tem raízes de direita.

2:04 AM

 
Anonymous Anonymous said...

No que diz respeito a fundos perdidos mal aproveitados, só fala quem tem que se lhe diga. Há muito boa gente que critica, mas que os foram lá buscar...
...Hoje em dia, continua a vir muito dinheiro.
Seja como for o nosso país habituou-se a receber sem ter que fazer nada. O povo português está mal habituado, só querem ser funcionários públicos, o que não gere riqueza nenhuma ao país e só tornam as pessoas preguiçosas...não faz hoje porque pode fazer amanhã, ou então fazer devagar devagarinho, isto é revoltante, mas a culpa é que não há quem fiscalize nada, ou se há são todos iguais, trabalham todos para o mesmo.
Não há respeito por ninguém, tudo faz o que quer, ainda dizem que estamos numa democracia, só se for uma democracia PODRE...

2:18 AM

 
Anonymous Anonymous said...

VIVA O CAVACO E O SEU CAVAQUISMO, COMO DIZEM.

3:11 AM

 
Blogger ze said...

Em meia dúzia de palavras e ou frases disseste um milhão de verades!!!

9:16 AM

 
Blogger ze said...

Desde os seus sites no tripod, até aos seus blogs, eu não paro de o admirar

9:18 AM

 
Blogger ze said...

Tem vossa Excelência uma facilidade de argumentação, que me impressiona!!
Por favor continue a informar-nos e a maravilhar-nos com a sua perspicacia e escrita.
Parabéns e um grande abraço

9:20 AM

 
Anonymous Anonymous said...

A suspeita é, no meu dicionário a procura de indicio e, por isso, difere grandemente da dúvida.

7:56 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Será que o homem se fez filósofo por causas posteriores, ou é de sua natureza filósofo o ser filósofo?
Parabéns Zé Reis e um enorme abraço para ti.
Nunca te esqueças que:
"JESUS CRISTO FOI O MAIS INCOMPREENDIDO DOS HOMENS E, LOGO A SEGUIR VEM, POR IGUAL RAZÃO - NIEZSCHE, SÓCRATES, ETC - .

8:02 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Acerca deste comentário: No que diz respeito a fundos perdidos mal aproveitados, só fala quem tem que se lhe diga. Há muito boa gente que critica, mas que os foram lá buscar...
...Hoje em dia, continua a vir muito dinheiro.
Seja como for o nosso país habituou-se a receber sem ter que fazer nada. O povo português está mal habituado, só querem ser funcionários públicos, o que não gere riqueza nenhuma ao país e só tornam as pessoas preguiçosas...não faz hoje porque pode fazer amanhã, ou então fazer devagar devagarinho, isto é revoltante, mas a culpa é que não há quem fiscalize nada, ou se há são todos iguais, trabalham todos para o mesmo.
Não há respeito por ninguém, tudo faz o que quer, ainda dizem que estamos numa democracia, só se for uma democracia PODRE...
A 1ª questão, é, a saber:
Quanto foste buscar?
É que uma das grandes verdades do pvo é:
"Quem é desconfiado não é fiel";
ou
"Normalmente os que atiram pedras aos telhados vizinhos...têm telhado de zinco".
Acerca da malandrice - se tiveres a coragem (eu sou José Nogueira dos Reis)de dizeres quem és, tenho quase a certeza que provocarás «gargalhadas»(forma ruidosa de risos).

6:42 AM

 
Anonymous Anonymous said...

acerca deste comentgário:
"Pelo que sei, nunca abandonou o governo, como alguns socialistas que ao longo da nossa história o têm feito, deixando sempre o país cada vez mais na miséria com as suas ideias sociais. O único que até agora tem sido exemplar tem sido o nosso 1º Ministro, mas se formos a ver o seu historial, tem raízes de direita."
1-Aconselho-te a colocares um «seixo» para não trocares as mãos.
2- Acredito que se estivessemos a falar de moussolin, Salazar, Franco, Estaline, Hitler ou Fidel Castro, talvez a tua iluminada inteligência te levasse a apelidá-los de heróis e, nunca fugiriam do «Poder», por mais indicações que o povo lhe desse...
Mas, para ti, quando todas as indicações - recordo-te os cartões amarelos e vermelhos - transmitiam que, certo ou errado, não queriam, discordavam da sua governação, chamas «fuga», no sentido de cobardia, ao facto de não ter o cú agarrado a cadeira do poder e submeter o , dar novamente ao povo Português nova oportunidade de escolha, de eleição!!!
É por estas - eu aposto em como sei o teu clube - e por outras, tais como nem querer que se descubram verdades, que nós - portugueses - ainda somos o que somos.
Eu sou José Nogueira dos Reis, Rua da Barreira - 5070/411 Santa Eugénia - , apresenta-te para eu ver se estou enganado...

6:55 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Senhor José Nogueira dos Reis - e digo senhor porque és mesmo um senhor - pouca gente deve ter nascido em Santa Eugénia com a tua educação, com a tua cultura, com o teu saber e acima de tudo com a tua bondade.
Parabéns

8:02 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Há muito que não lia tantas verdades juntas...

Muito bem.

8:40 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Parece que o anónimo que falou acerca do acesso - pouco legal - a fundos comunitários sentiu dor de cotovelo quando «desafiado» a identificar-se!!!
Força Zé Reis, és mesmo fenomenal.
Um abraço
António Vale

7:43 AM

 
Anonymous Anonymous said...

Por onde andas anónimo cavaquista e recebedor de fundos sociais?!
Então essa coragem?
Só se atira pedras a árvores com bons frutos e, eru tenho cá uma banana....

7:54 AM

 

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home